quarta-feira, 2 de junho de 2010

Fechar escolas é desertificar.

O sonho da educação para todos fez com que nos anos trinta, quarenta e cinquenta muitas escolas se erguessem no interior rural. Sendo contrária à vontade dominante da ditadura, muitas destas escolas nasceram por mão dos "benfeitores da terra" não raro "Doutores" de Coimbra ou de Lisboa. Estes benfeitores que algumas placas nessas escolas,ainda relembram, encontravam-se em melhor posição para perceber a importância da educação das crianças das aldeias, dentro do território de vivência da sua comunidade. Estes beneméritos que por vezes se limitaram a escrever uma carta ao ditador pedindo uma escola, foram apoiados pelo trabalho gratuito e voluntário dos vizinhos. O povo das aldeias e dos lugares, habituado à solidariedade do comunitarismo do meio rural, construiu com as próprias mãos muitas destas escolas. Agora no nosso tempo cibernético-informático, tempo da aldeia global em que deixaram de existir periferias ou ilhas inacessíveis, fecham-se escolas. Primeiro as que tinham menos de 10 alunos agora querem fechar as que têm menos de 21. O tempo que deveria ser de escola ou de recreio vai ser transformado em tempo de deslocação em transporte escolar. Para uma sociedade abundante no desperdício, e automóvel dependente esta solução parecerá mais barata que o ordenado de um professor no local. Mas contribuirá para a desertificação. Se o objectivo é um país interior de matas com eucaliptos e um litoral sobrepovoado com zonas exclusivas para veraneantes "VIP" estamos no caminho para isso. Melhor ainda, daqui a algum tempo do deserto de eucaliptos restará o deserto sem água e sem vida.

2 comentários:

olhodopombo disse...

para nós aqui a unica possibilidade de fazer Doutorado em Museologia é ai em Portugal.

olhodopombo disse...

cERTAMENTE SUA abordagem do assunto é muito pertinente.
Eu tenho as mesmas preocupaçãos por aqui: todos querem aprender a usar um computador e ninguem quer saber como uma semente desabrocha do solo e nos alimenta.....
o futuro, caso não ocorra ja uma mudança drastica, sera deveras, sombrio....